Hnas. Mirabal

Em 1999, a Assembleia Geral da ONU Nações Unidas estabeleceu o dia 25 de Novembro como o Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres.

A data escolhida evoca e comemora a vida das irmãs Mirabal -  Minerva, Pátria e Maria Teresa - a sua resistência e coragem contra a violência de que foram vítimas.

As irmãs Mirabal, conhecidas como “Las Mariposas”, viveram na República Dominicana e combateram o regime do ditador Trujillo (1930-1961).

Foram perseguidas, presas e torturadas várias vezes.

A sua tenacidade e valentia ditaram o seu comportamento de luta contra a ditadura, o que as transformou em símbolos de coragem e resistência.

No dia 25 de Novembro de 1960 foram assassinadas.

Este crime provocou um forte movimento popular e precipitou a queda do regime.

As irmãs Mirabal transformaram-se, assim, numa bandeira contra a vitimação das mulheres e da luta contra a violência.

Ao escolherem a data do seu assassinato como Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres, as Nações Unidas quiseram prestar tributo à sua vida e ao seu exemplo, e chamar a atenção para a violência de género.

 

Sobre Nós

A Associação Portuguesa de Mulheres Juristas é uma organização não-governamental de juristas, fundada em 1988, com o objectivo de contribuir para o estudo crítico do Direito sob a perspectiva da defesa dos Direitos Humanos das Mulheres.

Partilhe

Sede

NEWSLETTER

Receba todas as notícias da A.P.M.J. e ofertas especiais.